Piso Mínimo Regional em Negociação

Acordo pode sair na segunda

dsc_0128Ficou para segunda-feira a reunião tripartite entre representantes do governo, trabalhadores e empresários para finalizar a proposta de reajuste para o Piso Mínimo Regional do Paraná, que beneficia mais de 300 mil empregados com carteira assinada. Na pauta de reivindicações entregue ontem à Secretaria do Trabalho, Emprego e Economia Solidária, as Centrais Sindicais pedem reajuste de 14,13%, manutenção da diferença de 30% em relação ao salário mínimo nacional e a mudança da data-base de maio para janeiro.

O piso mínimo regional é dividido em quatro faixas salariais. Se for aplicado o índice pleiteado pelos trabalhadores, o menor valor, para o setor agrícola passaria de R$ 708,14 para R$ 808,88. E o teto, para técnicos de nível médio, saltaria de R$ 817,78 para R$ 933,32.

O presidente da Nova Central Sindical de Trabalhadores do Estado do Paraná, que representou todas Centrais Sindicais, Denílson Pestana da Costa, espera que o acordo com o sindicato patronal e com o governo possa ser firmado na semana que vem. “Ainda estamos no prazo. Se tudo for acordado na segunda-feira, no dia 28 levaremos a proposta à reunião do Conselho Estadual do Trabalho para encaminharmos ao governador Beto Richa e, em seguida, ser votada na Assembleia”, ponderou.


Última atualização ( Ter, 20 de Março de 2012 15:56 ) Leia mais...
 

Dia de São José, o Santo Carpinteiro

Dia 19 de março é a data dedicada a São José. Homem simples, trabalhador, escolhido por Deus para ser tutor de Cristo em sua vida terrena. José ensinou a Jesus o ofício da carpintaria e, portanto, é o padroeiro desta nobre e antiga profissão.

É claro que a profissão que foi tão crucial para o desenvolvimento humano mudou muito nestes mais de dois mil anos. O que hoje é a indústria da construção civil e madeira movimenta bilhões de reais por ano, além de ser a indústria base que possibilita a existência de todas as outras áreas da produção.

Toda essa riqueza só é possível graças a uma peça chave: o trabalhador. Se nos tempos de Cristo o carpinteiro era um profissional que passava de pai para filho os segredos do artesanato, hoje cada vez mais uma formação especializada na área é exigida para quem vai trabalhar no setor. Na área da construção civil, o número de novos postos de trabalho para quem tem nível médio completo é muito maior a quem tem escolaridade inferior.
Última atualização ( Seg, 19 de Março de 2012 16:25 ) Leia mais...
 

Piso mínimo regional paranaense para 2012 está próximo de acordo

figura1O Presidente da Nova Central Sindical de Trabalhadores no Estado do Paraná - Denílson Pestana da Costa esteve reunido na manhã desta sexta-feira (16) com as Centrais Sindicais.

O encontro realizado na sede da NCST/PR em Curitiba teve como objetivo levantar informações e definir estratégias a serem defendidas na próxima Reunião Ordinária da Comissão Tripartite de Acompanhamento da Política de Salário Mínimo Regional do Estado do Paraná, que será realizada no dia 19 de março de 2012 (Segunda-feira), com início às 14h30, em Curitiba/PR.
 
A briga para garantir um ganho real no piso mínimo regional paranaense está próxima do fim, e mais uma vez a NCST/Paraná teve papel protagonista nas negociações, com a participação do presidente da entidade (Denílson Pestana) na Comissão Tripartite de Acompanha­mento da Política de Salário Mínimo Regional do Estado do Paraná represen­tando o conjunto das centrais sindicais do estado. Participam da comissão os representantes dos trabalhadores, do setor empresarial, do Departamento Intersindical de Es­tatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese) e do Instituto Paranaense de Desenvolvimento Econômico e Social (Ipardes), além da mediação da Secre­taria do Trabalho, Emprego e Economia Solidária do estado.
Última atualização ( Sex, 16 de Março de 2012 16:41 ) Leia mais...
 

Pestana recebe diretores do Siquim

dscn1882O Presidente da NCST/PR – Denílson Pestana da Costa, esteve reunido na tarde desta Quinta –feira (15), na sede da Nova Central em Curitiba, com os Senhores Elton Evandro Marafigo (presidente) e José Carlos dos Santos (membro do Conselho Fiscal) do Siquim - Sindicato dos Químicos no Estado do Paraná.

O encontro teve como pauta, assuntos de interesse da entidade e a organização da categoria no Estado.


 

Porteiros e zeladores de condomínios podem entrar em greve a partir do dia 27

panfletogreve2Porteiros e zeladores de condomínios de Curitiba e Região podem entrar em greve a partir das 7 horas do dia 27 de março. A decisão da paralisação será tomada em assembleias itinerantes que serão feitas a partir desta quinta-feira (15) na porta de vários condomínios da Capital. A organização é do Sindicato dos Empregados em Edifícios em Condomínios Residenciais, Comerciais e Mistos de Curitiba e Região (Sindicon-PR).

Em entrevista ao vivo na Banda B nesta terça-feira (13), o presidente do sindicato, Helio Rodrigues da Silva, disse que de outubro até agora já foram feitas 17 reuniões com o Sindicato de Habitação e Condomínios do Paraná (Secovi-PR), que representa os empregadores, e nenhum acordo foi firmado. Os últimos três encontros foram com a mediação do Ministério do Trabalho.

"Nosso dissídio era para ter acontecido em outubro do ano passado e cinco meses já se passaram. Agora, nossa única saída é a greve. Sabemos que é difícil mobilizar nossa categoria porque ficam dois num prédio, três no outro, mas temos certeza que todos vão se conscientizar que só mesmo uma paralisação vai forçar o fim deste impasse. A greve será decidida a partir das assinaturas que vamos coletar de prédio em prédio", afirmou Silva.

Leia mais...
 

IMG-20210715-WA0074.jpg

FILIE-SE

reducao-jornada-ncst2

carteira-assinada-ncst

Quem está online?

Nós temos 540 visitantes online

Acesso Restrito

Rede NCST Sindical

ncst-rede