Bresser Pereira: governo federal deve salvar vidas e empregos, não importa o custo fiscal

"No plano da saúde é o isolamento e o aumento urgente da capacidade do SUS de enfrentar a pandemia. É não poupar gastos para dar capacidade ao Estado de proteger a saúde da população", defende o ex-ministro da Fazenda


247 - O economista e ex-ministro da Fazenda Luiz Carlos Bresser Pereira defendeu nesta segunda-feira, 23, que o governo deve garantir a solvência das empresas e o emprego em meio à pandemia do novo coronavírus, sem se importar com o custo do ponto de vista fiscal.

"No plano da saúde é o isolamento e o aumento urgente da capacidade do SUS de enfrentar a pandemia. É não poupar gastos para dar capacidade ao Estado de proteger a saúde da população. E no plano econômico? Não pode haver nenhuma dúvida a respeito. O governo deve garantir a solvência das empresas e o emprego. Não importa quanto custe do ponto de vista fiscal", escreve Bresser Pereira em artigo no jornal Valor Econômico. 

"Além de enfrentar o coronavírus e enfrentar a própria recessão, o Brasil precisa recuperar a confiança externa, que foi destruída neste último ano. É preciso que os credores externos vejam que nós também estamos fazendo com responsabilidade a nossa parte no enfrentamento da crise", afirma o ex-ministro. 

Brasil 247

 

Acesso Restrito

Rede NCST Sindical

ncst-rede