Requião anuncia saída do MDB e chama partido de bolsonarista e racista

E-mail Imprimir PDF

O ex-senador Roberto Requião (MDB-PR)

Após mais de trinta anos no MDB, o ex-senador Roberto Requião (PR) anunciou que nesta segunda-feira (2) oficializará sua saída do partido. A mudança se dá após a chapa encabeçada pelo político perder neste sábado (31) convenção estadual que definiu a presidência da sigla no Paraná. A chapa vencedora foi a liderada pelo deputado estadual Anibelli Neto.

Em uma série de postagens no Twitter, Requião fez diversas críticas ao partido, principalmente ao paraense, e disse que não foi ele quem saiu da legenda, mas sim, o MDB-PR que acabou. "Sempre acreditei no que dizia Gramsci: 'Não existe o canalha absoluto'. O canalha absoluto é uma figura de literatura. Depois da convenção do MDB do Paraná vou rever esta crença!", disse.

Requião é conhecido por chamar a sigla de seu "velho MDB de guerra" e afirmou que a chapa vencedora se aliará ao governador Ratinho Junior (PSD), aliado do governo de Jair Bolsonaro. Requião já foi deputado estadual, senador, governador do Paraná e prefeito da capital Curitiba, sempre pelo MDB.

 

Agora, o político avalia para qual sigla irá. Em enquete feita com seus seguidores no Twitter, listou entre as opções: PT, PDT, PSB ou ainda outra legenda.

 

Fonte: CONGRESSO EM FOCO

https://congressoemfoco.uol.com.br/eleicoes/requiao-anuncia-saida-do-mdb-e-chama-partido-de-bolsonarista-e-racista/

 

Acesso Restrito

Rede NCST Sindical

ncst-rede